This error message is only visible to WordPress admins

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.

Livros

O GAROTO DO CACHECOL VERMELHO [TAG]

Como faz muito tempo que não recebia uma tag para responder por aqui e, por coincidência do destino, a Carol do blog Virando Amor me marcou em uma tag super legal: a tag de ‘O Garoto do Cachecol Vermelho‘, livro escrito pela linda Ana Beatriz Brandão e publicado pela Verus. Como não sou boba nem nada.. resolvi responder para matar a saudade que eu estava dessas booktag’s. 😉

São 8 personagens para 8 escolhas de livros, então vamos começar a tag de O Garoto do Cachecol Vermelho:

Daniel, o vândalo preferido – um livro que você amou do começo ao fim e ficou com gostinho de quero mais

Escolhi a série ‘Becky Bloom’ da maravilhosa Sophie Kinsella. Comecei a ler e não parei. Literalmente estou com aquele gostinho de quero mais após terminar a leitura do último livro lançado (Becky Bloom ao resgate) e dificilmente algum outro livro vá me deixar com essa sensação. É realmente insano! 

Melissa, a bailarina quase insuportável – um livro que você detestou no começo, mas depois passou a gostar

Logo que bati o olho nessa descrição me veio ‘Doce Perdão‘ da Lori Nelson na cabeça. Eu gostei da história, gostei do livro, gostei de tudo. Mas no começo.. não sei. Não me prendeu nadinha! Até cheguei a cogitar dar uma pausa, voltar a leitura em outra oportunidade. Felizmente fui guerreira e não desisti! Valeu super a pena no fim das contas. 

Regina, a mãe ausente – um livro que você abandonou, mas que vai dar uma segunda chance

Me lembro perfeitamente quando comecei e quando parei a leitura. Estava sentada na fila pro show da Sandy, tentando me distrair com a leitura, tentando – sem sucesso – me prender a história. Nada feito. O Som do Amor é mais um livro da Jojo Moyes  (autora do estrondoso sucesso ‘Como eu era antes de você‘) e possui uma média de 4 estrelas no Skoob.. nada mal, não? Porém a história não me prendeu, não me fez vidrar nem nada. Algum dia, quem sabe, eu dê uma segunda chance.

Helena, a que não leva desaforo pra casa – um livro que você defende com unhas e dentes

Quem me conhece sabe o quanto eu defendo com unhas e dentes a história de ‘Um Dia‘. Esse enredo, esses personagens, esse autor.. tudo! Emma e Dexter tem um espaço cativo no meu coração, na minha memória, no meu local de favoritos da vida. Eu sou surrealmente apaixonada por tudo que envolve ‘One Day‘, do livro ao filme. Da escrita do David Nicholls ao roteiro e atores do filme. Então SIM, eu defendo com unhas e dentes a peculiaridade e desvio do óbvio dessa história.

Pedro, o babaca – um livro que tenha um personagem que você detesta

Impossível escolher outro se não Harry Potter e a Ordem da Fênix. Minha personagem mais detestada de todos os tempos é e sempre será a Dolores Umbridge e ela dá as caras em A Ordem da Fênix. Não sei quanto a vocês, mas de todos os personagens que eu poderia criar esse sentimento de desprezo, a Dolores foi a que mais me causou repulsa. Acredito que grande parte disso se dê a personalidade dela criada pela Rowling e outra parte seja pela atuação de Imelda Staunton nos filmes.

Diana, a amiga que não sai da friendzone – Um personagem que você queria que tivesse ficado com a mocinha, ou mocinho da história, mas não saiu da friendzone

Me julguem, ok? Mas eu não supero até então o fato de Jacob não ter ficado com a Bella na saga Crepúsculo. É certo que ela e o Edward combinam e tal, mas eu tive um shipper muito forte por esses dois e não acredito ainda que ele foi se apaixonar pela filha dela no fim das contas em Amanhecer. Tudo o que aconteceu durante o período de tempo retratado em Lua Nova só serviu para que? Para nada na realidade. Me julguem. 

Fernanda, a amiga maluca que você respeita – Cite um livro que tem um personagem que te fez rir muito durante a leitura

Que Carina Rissi é a rainha dos chick-lits nacionais.. todos nós sabemos, né? Para mim Luna é, de longe, sua personagem mais engraçada, cativante, apaixonante e autêntica. Durante toda a história de No Mundo da Luna eu pude dar altas gargalhadas, me divertir com as situações criadas e escapadas por ela, além de seus comentários e tiradas sensacionais.

A Garota das sapatilhas brancas, o spin-off – Um livro que você espera ansiosamente pela continuação

Então, eu poderia colocar ‘A Garota das Sapatilhas Brancas‘ aqui, mas seria uma babaquice enorme da minha parte, uma vez que ainda não li o primeiro livro da Ana Beatriz (me aguardem, já encomendei o meu na Amazon!). Então, para não soar como algo que ficaria feio e meio que parecendo puxa-saquismo, resolvi escolher um livro no qual eu queria MUITO a continuação e, infelizmente, não sei se teremos por aqui no Brasil, que é: Wicked. A série, se não me engano, conta com 3 livros e só temos o primeiro publicado por aqui (WICKED). Editora LeYa, vamos logo providenciar os próximos? Quero muito saber o que acontece em ‘Son of a Witch‘!

Michelle Felippelli About Author

29 anos, fotógrafa, publicitária formada e uma completa bookaholic. Exatamente ao pé da letra o significado de Agridoce: amarga e doce. ;)