Crítica de Filmes

O seu jeito de andar

O seu jeito de andar é um romance/drama lançado em 2014 que traz a história de Jay e Daisy, duas pessoas completamente diferentes com um improvável destino. Jay é um cara de família rica que gosta de curtir e sempre se mete em alguma encrenca, com isso ele começa a trabalhar em um hospital psiquiátrico e lá conhece Daisy, moça jovem que acaba de chegar como paciente sem nenhum familiar.

Eles se aproximam e ele a leva no casamento do irmão como sua namorada para passar a impressão de que tem uma vida estável e ela conquista a todos com seu jeitinho doce. Mesmo sabendo pouca coisa do mundo, Daisy conclui que está perdidamente apaixonada por Jay, ele também se vê encantado com a garota que anda diferente e esse sentimento faz a vida deles mudar seu percurso.

O seu jeito de andar é um filme lindo, doce e que saber transmitir a trama da forma mais gentil e fiel a uma possível realidade. É o tipo de filme que você começa a assistir não muito animado, mas ele te prende e no final você se vê com lágrimas nos olhos. Ok, não sei se você aí choraria, mas eu sou muito sensível e essas histórias que exploram o ser humano e expõe como todos nós temos defeitos, como todos nós erramos e que todos temos a chance de mudar e fazer a diferença…bom, essas histórias me emocionam muito. Fora que tudo é passado de forma bem leve, com os personagens bem construídos (a maioria).

Eu diria que é um bom filme para os dias cinzentos que você está curtindo o ócio e quer se emocionar, porque ele vai te tocar de alguma forma e fará você refletir. Se fosse pra avalia-lo, no geral, desconsiderando a parte de como me tocou e como amei daria um 4 por questões mais técnicas de algumas coisas do enredo que ficou mal explicado. Mas cada um tem uma visão e opinião diferente.

O seu jeito de andar

Título Original: Barefoot
Elenco: Scott Speedman, Treat Williams, J.K.Simmons, Evan Rachel Wood, Kate Burton, Jaqueline Fleming.
Diretor: Andrew Fleming
Roteirista: Stephen Zotnowski
Ano: 2014
Disponível na Netflix

Sinopse: O filho ovelha negra (Scott Speedman) de uma família rica conhece uma jovem paciente psiquiátrica (Evan Rachel Wood) que foi criada em isolamento durante toda a sua vida. Certo dia, ele leva a jovem inocente para o casamento de seu irmão para convencer a família de que ele deu um jeito em sua vida. Ela impressiona a família com seu charme genuíno. No meio do caminho, eles se apaixonam de maneira improvável.

Assistam gente, sério! Não é um filme muito conhecido, creio eu, e isso o torna mais especial, e eu vou parar de falar senão acabo dando spoiler, rs. Espero que vocês tenham gostado e se interessado em conhecê-lo e, se você já assistiu, me conte nos comentários o que achou do filme e se não assistiu.. perde tempo não, assista agora mesmo! Ele está disponível na Netflix. 😉

Avatar About Author

Gírias cariocas com aquelas boas manias paulistanas. Um toque único de cada livro lido, cada série assistida, cada filme lembrado.. um conjunto de memórias, de lembranças boas a serem compartilhadas.