Review de Séries

Designated Survivor

O catalogo da Netfix vem se expandindo e nos enchendo de novidades incríveis e, com tanta coisa boa na plataforma, é meio difícil conseguir escolher o que queremos assistir. Em um dia de muita preguiça, me peguei colocando Designated Survivor pra rodar, sem pretensão nenhuma.

Ao reconhecer Kiefer Sutherland, o eterno Jack Bauer, sabia que poderia esperar algo bom e acabei viciando na série no primeiro episodio. Séries que se passam nesse mundo o backstage político nacional e internacional, normalmente me prendem muito e foi o que realmente aconteceu. Tenho que confessar que saber mais sobre a casa branca e a vida do presidente mais poderoso do mundo, mesmo que sendo ficção, é algo que deixa qualquer um curioso.

Sinopse: O Presidente dos E.U.A. é vitimado durante um ataque a bomba durante o discurso do Estado da União, no capitólio, e todos os outros membros do governo que estavam presentes morrem também. Tom Kirkman (Kiefer Sutherland), o secretário de habitações e desenvolvimento urbano, funcionário público de mais alto escalão ainda vivo, vira presidente do dia para noite. Uma conspiração parece se desvelar ao seu redor e ele precisa proteger sua família enquanto descobre o que está acontecendo.

Imagine que em um dia você é rebaixado e no outro vira presidente; é algo completamente louco, né? Designated Survivor é algo que realmente acontece no governo dos EUA já que toda vez que acontece um evento, todo o governo e sua linha de sucessão está no local.

O enredo principal da série é a investigação ao ataque no capitólio e o dia-a-dia de Kirkman, aprendendo e entendendo cada vez mais como funciona a presidência. Além disso, durante os episódios, vemos diversos temas interessantes desde a legitimidade do poder – pois ele assumiu a presidência sem ninguém ter votado nele – até o começo de conspirações, dramas familiares que começam a afetar a vida de todos e ainda novas relações, além da luta para construir novamente o governo dos EUA.

Quando falamos de séries politicas, logo me vem a mente Scandal e House of Cards mas, com Designated Survivor é uma mistura dos dois: pra quem gosta de episódios com bastante emoção.. é isso que vai encontrar na série.

Com um bom ritmo e sub-enredo, ficamos presos totalmente a história. Sabe aquela série que consegue te prender com clifhanger incríveis e você acaba maratonando sem nem perceber? Então com “Sobrevivente Designado” é exatamente isso que acontece. A atuação dos personagens, o cenário, e os dramas estão realmente de tirar o folego.

Apesar de ter o selo “Original Netflix”, ela faz parte de um acordo e é transmitida primeiramente na rede aberta pela ABC e depois de uma semana é que chega ao catálogo Netflix; sendo assim, a continuação da primeira temporada ainda não está disponível na plataforma mas tem previsão de ser adicionada em março deste ano.

E aí.. quem ai já assistiu e, assim como eu, ficou completamente viciada? Me contem nos comentários.

25 jan, 2017
Priscila Belato

Posts relacionados